Loja Virtual:

Jipeiros On-Line:

Nenhum

Agenda de eventos:

<<  Outubro 2018  >>
 Dom  Seg  Ter  Qua  Qui  Sex  Sáb 
   1  2  3  4  5  6
  7  8  910111213
14151617181920
21222324252627
28293031   
mod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_countermod_vvisit_counter
mod_vvisit_counterHoje62
mod_vvisit_counterOntem1417
mod_vvisit_counterEsta Semana2813
mod_vvisit_counterSemana Passada10152
mod_vvisit_counterEste Mês24042
mod_vvisit_counterMês passado27756
mod_vvisit_counterTotal7283895

Visitantes: 13
Seu IP: 54.92.160.119
,
Horário: 01:26 23/10/2018
Mundo Off-Road
Pelotas4x4 Jeep Clube na XX Fenadoce PDF Imprimir E-mail
Mundo Off-Road
Escrito por Daniel Oliveira   
Ter, 19 de Junho de 2012 19:10

O Pelotas4x4 Jeep Clube esteve neste final de semana, mais precisamente nos dias 16 e 17 de junho, com um espaço exclusivo na XX Fenadoce, o qual a partir de agora é mais uma atração anual da feira. No stand foram expostos as jaquetas, camisetas, bonés, distribuição de adesivos, além da exposição de pneus, equipamentos de uso off-road, 8 viaturas e mais o BigFoot da Harter Pneus, que foi sem duvida a grande atração. No espaço também foram recepcionados jipeiros e simpatizantes da região sul do RS, São Leopoldo, Porto Alegre, Sâo Gabriel, Rosário do Sul, Bento Gonçalves, Chui, além de jipeiros do Uruguay e Argentina. O Pelotas4x4 agradece a presença dos visitantes que prestigiaram o evento e a colaboração dos expositores e amigos Ricardo, Fabio, Volnei Harter, Filipe, Rodrigo, Arion, Afranio, Julio Bastos, Raphael, Ticiano, Toco, Lucas e seus familiares, e em especial aos apoiadores Harter Pneus e Rodas e Oficina de Idéias Comunicação Visual.

Clique aqui para ver as fotos...

 
Mundo 4x4 - 10/06/2012 PDF Imprimir E-mail
Mundo Off-Road
Escrito por Daniel Oliveira   
Qui, 14 de Junho de 2012 10:30

Confira o último episódio da aventura pela América do Sul

No Mundo 4x4, Chakal continua viagem pela América do Sul, rumo ao Salar del Hombre Muerto. No último episódio da aventura, ele encara trilhas de pedras, altitude, belas paisagens e ainda as areias que definem o campeão do Rally Dakar em Fiambalá, na Argentina.

 
Revista 4x4 & Cia: Junho/2012 PDF Imprimir E-mail
Mundo Off-Road
Escrito por Daniel Oliveira   
Qui, 14 de Junho de 2012 09:16

 
Fenajeep 2012: Passeio 4x4 é emoção e paisagens deslumbrantes PDF Imprimir E-mail
Mundo Off-Road
Escrito por Daniel Oliveira   
Qui, 07 de Junho de 2012 14:06

Não é apenas a velocidade e saltos na prova das gaiolas, algo que levanta o público nas arquibancadas, ou o ronco firme e, às vezes, ensurdecedor, de motores que dão o toque da Fenajeep. Quem participa do evento, mais precisamente das provas, pode se dar ao prazer de fazer parte de cenários deslumbrantes. As trilhas guardam algo a mais que a emoção de chegar na frente. No Passeio 4x4, por exemplo, adrenalina e emoção se juntam ao encanto de belas paisagens.

Um cenário deslumbrante, formado por trilhas em meio à mata nas cidades de Guabiruba e Botuverá. São elas que receberão uma das mais disputadas em termos de procura entre as provas da festa. Tão concorrida, que em 2012 teve a participação limitada. E é justamente essa união de perigo e beleza que faz com que o Passeio 4x4 chame tamanha atenção e interesse dos que desejam estar nele. "Muito bonita a região. O pessoal vai adorar. O jipeiro desse imenso Brasil gosta de participar da nossa trilha e sabendo disso, sempre buscamos fazer uma trilha diferente. O passeio é radical. O nome já diz. Por isso que os participantes têm que vir pelo menos preparados com pneus, com um jeep bom revisado, que possa enfrentar obstáculos" destaca o diretor da prova, Humberto Rezini.

Não se trata de uma trilha perigosa, afirma ele, mas de algo gostoso, com bastante erosão, lama e um rio por sobre onde os participantes passarão. "A equipe de levantamento trabalhou bastante para trazer essa adrenalina a mais para os jiperos. Têm bastante morros íngremes e quem for vai gostar. A equipe já está há aproximadamente três meses passando na trilha para rever os obstáculos. Estamos fazendo para que o participante venha e se divirta", destaca Humberto.

Ano passado, foram cerca de 120 jipes ao longo do trajeto. A preocupação com a segurança levou os organizadores a limitar para menos o número nesta edição. "Nós prezamos demais pela segurança. Tanto é que colocamos no nosso site que vamos eliminar o pessoal que estiver com bebida alcoólica. Costumo dizer: sempre fizemos uma bagunça, mas organizada. O que queremos é que o passeio tenha começo, meio e um final feliz. Todas as iniciativas são para que os participantes vejam que é algo organizado. Este ano teremos o apoio da Polícia Militar, da Guarda de Trânsito e dos Bombeiros", continua Rezini.

Segundo ele, a princípio, para mais segurança, se pensou em limitar o número de pessoas em cima de um jipe. Com isso, apenas o piloto e o navegador poderiam estar no veículo. Porém, a organização notou que sempre vai junto um terceiro integrante, o "Zequinha", para dar suporte nas necessidades com o jipe. 

"Por isso, foi liberado para aqueles que hoje estão participando possam, nas próximas edições, a participar de carona ou com seu próprio jipe. Essa é uma trilha bem técnica. Por bastante erosão, ela exige muito do jipe, mas também do piloto e do navegador. Tem que ser com cuidado, com cautela e responsabilidade", finaliza Humberto Rezini.

 
Fenajeep 2012: Desafio está de volta!!! PDF Imprimir E-mail
Mundo Off-Road
Escrito por Daniel Oliveira   
Qui, 07 de Junho de 2012 14:00

Depois de dois anos sem ser realizada, uma das provas mais emocionantes da Fenajeep volta à cena em 2012, na 19ª edição do evento. Trata-se do Desafio, onde os participantes enfrentam obstáculos dos mais diversos com tempo cronometrado para iniciar e terminar a disputa. A prova será realizada no sábado, dia 9, e no domingo, 10, das 9h às 17h.

Ivo Heinig Junior, que é diretor da prova, comenta que a prova costuma gerar muita emoção em quem participa. “O desafio é um teste de adrenalina. O público gosta de ver”, destaca ele. Qualquer pessoa pode participar e a inscrição custa R$ 50. O mau tempo foi o motivo para que ela não acontecesse por duas edições seguidas. “Não houve por causa da chuva e esse ano está de volta”, prossegue Heinig.

Para esta edição, os organizadores definiram que somente um veículo por vez poderá acessar a pista. Não há número limitado para a participação, exceto se houver procura acima do normal. Cada participante poderá realizar a prova quantas vezes achar necessário. “Pode ir várias vezes. Enquanto o veículo dele resistir, ele pode ir de novo”, finaliza Ivo Heinig Junior, informando que serão pelo menos quinze obstáculos a serem vencidos no percurso. Entre eles estarão pneus, água, madeira e outros

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 10 de 97